Portal Tupanatinga

terça-feira, 22 de maio de 2018

TERRITORIO VIVO DE TUPANATINGA EM ENCONTRO, PRIORIZA POTENCIALIDADES DO MUNICIPIO





Com apoio da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Agricultura, o território vivo de Tupanatinga vem promovendo encontro com o objetivo priorizar as potencialidades econômicas do Município, nas áreas de Agricultura e pecuária, Comercio, Cultura e Esporte. Nos dias 07 e 25/05, foram realizadas reuniões com as comissões do Território, com representantes do poder público, associações, sindicatos, comercio e produtores rurais.

Nos encontros, as comissões foram divididas em grupos.  Cada grupo diagnosticou cada segmento (Agricultura, Comercio, Cultura e Esporte) destacando quais problemas estão dificultando o desenvolvimento destas áreas e apontando soluções.
   
Cultura 


    Na Cultura e no Esporte debateu-se com entusiasmo,   a variedade de valores existentes, no entanto, a preocupação e o desanimo batem quando notamos  o dispersamento destes valores,  frente a problemática geral que é a falta de politicas publicas que os fortaleçam.
      
Economia criativa - Mercado 
  Além da capacitação, como  é o caso do artesanato, discutiu-se a importancia da criação de  mercado, de espaço especifico em  feiras livres, espaço para exposição, principalmente nos principais eventos culturais, como festa da padroeira em julho  e na tradicional festa de agosto, etc. Essa observação recomenda-se para os demais valores culturais do municipio, como a cultura popular: Grupo de Samba de Coco existente a mais  de cinco geraçoes; A banda de pifano da serra dos Dé; A Banda de Pifano Santa Clara; O Repentista Rinaldo Aleixo; e  uma uma variedade de valores como a Poetisa Socorro Gomes, A  banda cultural do  museu,no Sitio Lagoa de baixo,músicos,  pintores e tantos          dispersos pelo municipio.
      
         

Esporte




















segunda-feira, 21 de maio de 2018

PROJETO CRESCENDO COM CIDADANIA BUSCANDO SUA AUTO-SUSTENTAÇÃO


Há  dez anos  promovendo  ações de cidadania, tirando crianças da rua e devolvendo a sociedade crianças  renovadas, nutridas e escoladas.


Reunião realizada na última quarta-feira (16), na Sede do Projeto Crescendo com cidadania, com a participação de todos os integrantes e convidados cujo o objetivo: trazer ao debate formas de viabilizar o projeto com ações sustentáveis e permanentes, garantindo assim a sua continuidade. 

O Projeto Crescendo com  Cidadania, foi criado pela  Caritas Paroquial Santa Clara de Assis, em abril de 2008. Portanto, já são dez anos  promovendo  ações de cidadania, tirando crianças da rua e devolvendo a sociedade crianças  renovadas, nutridas e escoladas.

A Sede do Projeto é localizado  no prédio onde já funcionou o abrigo dos idosos, na época do saudoso Pe. Mariano, no Bairro da Camila, antiga rua de baixo.

As crianças que são  acatadas tem 
idades  entre 6 e 12 anos. São  matriculadas na escolas da rede municipal de ensino e no projeto recebem reforço escolar,  alimentação, recreação e todo acompanhamento para que tenham um vida socializada como as demais  crianças da mesma  idade. 

As crianças  também aprendem a lindar  com a terra sem prejudicar o meio ambiente. Elas tem aulas de agroecologia que são ministradas pelo professor Ronaldo Macário. 

As crianças cuidam de um canteiro de hortas agroecológicas, ou seja,   sem a utilização de componentes químicos e ambientalmente sustentável.

Os alimentos colhidos compõem as refeiçoes diárias das  crianças do projeto e a  parte restante  será vendida na comunidade  para ajudar custear parte das despesas do projeto.
Segundo o instrutor Ronaldo Macário, conhecido na região como grande mestre nesta técnica saudável e inovadora de produzir alimentos saudáveis, o espaço é suficiente para produção de hortaliças,  mas estamos aproveitando também para plantio de frutas, como a goiaba, que já faz parte do cardápio da criançada, o suco de Goiaba.

A Associação Caritas Paroquial Santa Clara de Assis, responsável  pelo Projeto, tem como Presidente o Sr. Cicero José de Lima(Formiga); Vice-Presidente a Srª Rosário Paulino; Tesoureira: Yonha Souza; Todos voluntários com dedicação exemplavel. 

O Projeto também tem  apoio financeiro da  Prefeitura, repasse  do programa Pastoral da Criança.
Ultimamente tem recebido contribuições do  Comercio local e da propria comunidade.

por Edimilson
fotos: John Lenno da Cáriitas Diocesana














sexta-feira, 30 de março de 2018

TUPANATINGA ESTÁ NO PROGRAMA TERRITÓRIO VIVO REALIZADO PELO SEBRAE

Importante inciativa para motivar a comunidade da importância de identificar e conhecer as  potencialidades econômica do município    



Aconteceu nesta segunda feira, 26/03, a partir das 10 horas,  na Câmara Municipal  de Vereadores, um encontro do programa " Território Vivo", projeto desenvolvido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas- SEBRAE.

O programa “Território Vivo” é um convite para lideranças empresariais, instituições privadas ou públicas, representantes de movimentos, associações e pessoas que batalham, produzem e constroem a identidade e o dia a dia de nossas cidades e territórios, para participar da construção coletiva de uma agenda de trabalho e planejamento para o desenvolvimento de suas regiões.



O Programa que é uma realização Sebrae mas tem apoio das  prefeituras, Sindicatos Rurais, e demais entidades voltadas para o desenvolvimento econômico  municípios do território como bancos, IPA, Associações comerciais, ONGs, OSCIPs et

No encontro desta segunda, teve a participação da secretaria de agricultura,  Assistência, Câmara de Vereadores,  Associações, Conselho municipal,  IPA, representantes comerciais, professora, Banco, Igrejas,artistas e  demais segmentos da comunidade.

O evento foi animado com a criatividade poética dos repentistas da terra.
O encontro foi coordenado pelos representares do SEBRAE , Izabel e Mauricio que  fizeram uma exposição significativa do programa e sua missão aqui em nossa Cidade.




Também foi importante a interação de todos participantes para construção do território vivo de Tupanatinga. Na oportunidade foi escolhido um grupo de 10 pessoas para participar de uma comissão municipal.

Estiveram também presentes  representantes das cidades de Itaíba, Manari e Inajá.

Território Vivo Arcoverde

Tupanatinga já está no programa território vivo desde o ano passado, integrado  uma rede de 11 Municípios, tendo a cidade de Arcoverde como a sede: Arcoverde, Pedra, Venturosa, Buíque,Tupanatinga,Sertania, Ibimirim, Itaíba, Custódia, Inajá e Manari.






VVB

Adicionar legenda